Zangão apresenta Nivaldo Lancuna e promete time para brigar por título na próxima temporada

Apresentação do técnico Nivaldo Lancuna - Foto: Maria Moura/Grande Picos
A diretoria da Sociedade Esportiva de Picos (SEP) apresentou na manhã desta segunda-feira (7), na sala de reuniões do Palácio Coelho Rodrigues, sede da Prefeitura de Picos, o novo técnico da equipe para a próxima temporada.
Nivaldo Lancuna foi anunciado anteriormente, mas apenas nesta foi oficializado no comando do Zangão. Em entrevista coletiva, ele falou sobre a carreira, os títulos que carrega e o desejo de realizar um trabalho eficiente pelo time de Picos.
Aos 63 anos, em sua quinta passagem pelo futebol piauiense, Lancuna revela que dispensou convites do River, Flamengo do Piauí, Parnahyba e 4 de Julho para fechar com a Sociedade Esportiva de Picos. “Não vim para ganhar dinheiro nem para fazer turismo, vim para trabalhar”, frisa o técnico.
Apresentação do técnico Nivaldo Lancuna – Foto: Maria Moura/Grande Picos
Sem medo
Sobre seu estilo de comando, o técnico afirmou que não há titulares definidos em sua equipe e que entrará em campo o jogador que apresentar as melhores condições de jogo. Outro ponto que fez questão de reforçar é a independência no que diz respeito à escalação e comando da equipe, sem interferência de patrocinadores, diretoria ou poder público.
Novos talentos
O treinador garantiu que o Zangão vai abrir as portas para os atletas que tiverem um bom desempenho e se destacarem nas quatro linhas. Prova disso, segundo ele, são os talentos que revelou pelos times por onde passou, especialmente com um olhar atento aos jovens talentos que possam ser lapidados.
Para Rodrigo Lima, a postura do técnico em garantir que não haverá jogador favorecido na equipe picoense é um sinal de que o time será competitivo e guerreiro. “O tratamento será igual para todos. Vai ter oportunidade para todos no elenco, agora aqueles que estão melhor fisicamente, melhor extracampo, serão os jogadores que irão jogar. Não teremos tratamento diferencial, faremos um planejamento para todos”, pontua.
Investimento
E se depender de apoio, o time da casa pode ficar tranquilo. A cota de investimento da Prefeitura de Picos para ajudar na manutenção da equipe deve ser de R$ 80 mil mensais. O valor vai ajudar a custear as despesas do time durante o Campeonato Piauiense. A folha de pagamento do Zangão para a próxima temporada, segundo informou Rodrigo Lima, deve ser de cerca de R$ 70 mil/mês.
Padre Walmir prometeu investir no clube, mas disse querer ver o resultado dentro de campo. Além disso, também garantiu que em nenhuma hipótese a administração do município não vai interferir na escalação e apresentação do time. “A única coisa que pedi a ele [Nivaldo Lancuna] foi que desse oportunidades para os bons jogadores que temos aqui também”, revela o prefeito.
Fonte: Grande Picos
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário